"Fomos avisados esta manhã que as autoridades da Macedónia não deixarão mais passar os afegãos", afirmou uma fonte policial à AFP.

Os macedónios justificaram esta posição pela decisão da Sérvia de barrar o caminho para esses cidadãos, segundo a fonte. Os afegãos estavam a ser reenviados para o lado grego, enquanto as autoridades macedónias deixavam passar apenas sírios e iraquianos pelo posto de Idomeni.

Na zona de trânsito de Idomeni, a AFP contabilizou cerca de 300 afegãos bloqueados neste domingo. No total, cerca de 4.000 refugiados esperavam esta manhã para poder atravessar a fronteira. A Macedónia estabeleceu em novembro este "filtro" por nacionalidades.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.