"O desafio que tivemos inicialmente com a questão do ‘Aquarius’, obviamente que ajudou muito as equipas a terem mais confiança. E, nesse sentido, acho que essa confiança de que hoje estamos melhor preparados nos responsabiliza, seguramente, e também nos dá uma certa normalidade. Vamos ver com normalidade o facto de o Fundão ter cada vez mais uma sociedade também intercultural e ser um espaço de acolhimento, de chamada e de chegada de pessoas dos vários cantos do mundo", afirmou.

O Governo anunciou, na sexta-feira, a chegada a Portugal de seis migrantes, provenientes de Itália e que foram resgatados do Mar Mediterrâneo pelo navio ‘Sea Watch 3'.

Segundo um comunicado conjunto dos ministros da Administração Interna e da Presidência e Modernização Administrativa, são seis homens, dos quais quatro provenientes do Senegal, um da Guiné-Bissau e outro da Guiné Conacri, que foram acolhidos pelo Município do Fundão.

Trata-se do segundo grupo de migrantes acolhidos no Fundão, depois de em setembro de 2018 terem chegado a este concelho do distrito de Castelo Branco 19 migrantes oriundos do navio "Aquarius". Dessas 19 pessoas, 18 permanecem no concelho e já estão todas inseridas no mercado de trabalho.

Um resultado que permite que o Fundão esteja referenciado "como um sítio onde a integração não é uma utopia e onde as pessoas podem reiniciar um projeto de vida", apontou.

"Isso é muito importante no posicionamento de um concelho, um concelho tolerante, aberto ao mundo, intercultural. E considero isso um ativo extraordinário para o futuro do nosso concelho. É um valor quase intangível, mas muitíssimo relevante", acrescentou.

Tal como da primeira vez, o grupo também ficará no seminário local e que será integrado num programa de acolhimento.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.