Contactada pela agência Lusa, fonte do Comando de Beja da GNR explicou que a operação foi realizada, na sexta-feira e na madrugada de hoje, por militares do Núcleo de Investigação Criminal de Aljustrel, após o furto de azeitona ter sido denunciado pelos proprietários do Monte do Corveiro, em Ferreira do Alentejo.

Segundo a mesma fonte, “os proprietários tinham por hábito deixar a azeitona apanhada já carregada em tratores”, ao fim de cada dia, mas, na noite de quinta para sexta-feira, “alguém foi lá e utilizou os três tratores que se encontravam carregados para levar a carga”.

“Só que um dos veículos ficou atolado no monte, numa zona de lamaçal” e os outros dois tratores, com os semirreboques carregados de azeitona, “foram levados para uma outra herdade, a cerca de 10 quilómetros de distância”.

Nessa outra herdade, continuou, os suspeitos “descarregaram a azeitona e voltaram ao monte para tirar o trator que tinha ficado atolado”, mas, “se calhar, alertados pela presença da GNR”, depois de avisada pelos proprietários do Monte do Corveiro, “abandonaram o local e deixaram um trator carregado e as azeitonas que tinham descarregado dos outros dois”.

“Ainda estivemos em vigilância durante a noite de sexta-feira e esta madrugada, mas, como os suspeitos não regressaram, optámos hoje por efetuar a apreensão e entregar a azeitona ao respetivo proprietário”, disse.

A GNR tem em curso investigações para apurar a identidade e dos autores do furto.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.