De acordo com o Governo, o pagamento, executado através do IFAP, “é constituído por uma componente do FEADER (Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural) no montante global de 20,4 milhões de euros e por uma componente do FEAGA (Fundo Europeu de Garantia Agrícola) no montante global de 9,3 milhões de euros”.

Do total, destacam-se dentro do FEADER 15,2 milhões de euros atribuídos na rubrica Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) 2020, nas medidas de investimento, e 1,4 milhões de euros no Programa de Desenvolvimento Rural dos Açores (PRORURAL+).

Por sua vez, no âmbito do FEAGA inclui-se o pagamento de 2,7 milhões de euros por práticas agrícolas benéficas (‘greening’), dois milhões de euros no novo regime da vinha e 1,1 milhões de euros no âmbito da promoção de vinhos em mercados de países terceiros.

Já inseridos no sub-programa para a Região Autónoma dos Açores (POSEI) foram pagos 2,1 milhões de euros através da rubrica abastecimento e 1,4 milhões de euros na das produções vegetais.

O restante montante foi distribuído por rubricas com menor expressão.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.