“Após os esforços do Presidente russo”, as reféns foram confiadas ao CICV “para que este pudesse entregá-las a um representante [do Ministério] dos Negócios Estrangeiros russo”, disse o Hamas, no sexto dia da trégua do conflito que trava com Israel desde 07 de outubro.

O grupo palestiniano já tinha libertado Ron Krivoi, um russo-israelita de 25 anos, no domingo, em sinal de gratidão pelo “apoio à causa palestiniana” do líder do Kremlin (Presidência russa), Vladimir Putin.

O Hamas anunciou hoje de manhã a libertação de vários russo-israelitas da Faixa de Gaza, onde estão em cativeiro desde 07 de outubro quando foram raptados em Israel.

Estas novas libertações são organizadas “fora do quadro do acordo de tréguas entre Israel e o Hamas”, segundo um alto responsável do movimento islamita, e sem contrapartidas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.