Em 1948, ingressou no L’Equipe e, sete anos depois, em 1955, integrou a pequena equipa que criou a Taça dos Campeões Europeus, antecessora da atual Liga dos Campeões, para um ano depois estar na origem da criação do prémio ‘Bola de Ouro’, atribuído pela revista France Football para premiar o melhor jogador europeu.

"Jornalista emblemático do L'Equipe há 38 anos, co-fundador da Taça dos Campeões Europeus e do prémio ‘Bola de Ouro’, Jacques Ferran foi um homem influente do futebol francês", escreveu a Liga de Futebol profissional de França em comunicado, no qual apresenta condolências à família de Ferran.

A presidente deste organismo, Nathalie Boy De La Tour, defendeu que a influência de Jacques Ferran “ultrapassou em muito seu papel como jornalista” e considerou-o como “um dos pioneiros do desporto moderno”.

“O mundo do desporto está de luto e em nome da LFPF e do futebol profissional francês exprimo as minhas mais sinceras condolências à família de Jacques Ferran e ao jornal L'Équipe”, afirmou Nathalie Boy De La Tour.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.