A sexta volta da eleição indicou que o ministro dos Negócios Estrangeiros conseguiu o apoio de 77 dos 313 deputados do grupo parlamentar conservador, mais dois votos do que os 75 recolhidos pelo ministro da Saúde, Michael Gove.

O antigo ministro dos Negócios Estrangeiros Boris Johnson voltou a vencer destacado, desta vez com 160 votos.

Os dois finalistas vão agora ser submetidos a uma votação dos cerca de 160 mil militantes do partido e o vencedor será anunciado no final de julho.

Theresa May mantém-se em funções, devendo apresentar a demissão logo que o sucessor esteja definido, abrindo caminho para a sua nomeação como primeiro-ministro.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.