João Cotrim de Figueiredo atrasou a declaração prevista para esta noite devido às “incertezas” que permanecem nos resultados porque ainda havia “mais de 300 mil votos ainda por contar”, mas num momento em que Tiago Mayan Gonçalves ultrapassou Vitorino Silva na votação.

“Gostaria de começar por dizer que é com grande alegria que estou a registar que, nestas eleições e enquanto projetos políticos, só há efetivamente hoje duas candidaturas que estão de parabéns: a do professor Marcelo Rebelo de Sousa que ganhou à primeira volta e a candidatura de Tiago Mayan Gonçalves que acima de todas as expectativas consegue fazer uma campanha notável e atingir um resultado que ninguém diria à partida”, afirmou o líder da IL, partido que apoia a candidatura de Mayan Gonçalves.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.