Segundo um comunicado da Capitania do Porto do Funchal, as buscas serão feitas apenas na orla costeira, concentrando o esforço nas zonas onde existem evidências da confluência de objetos provenientes das correntes marítimas.

O cidadão britânico desaparecido, de 60 anos, foi arrastado pelo mar na noite de quarta-feira na Praia Formosa, quando alegadamente se aproximou para tirar fotografias, numa altura em que estava em vigor um alerta vermelho para mau tempo.

As buscas decorreram até sábado no mar entre Câmara de Lobos e o Garajau e até 12 milhas a sul e por terra, junto à costa, entre o porto do Funchal e a baía de Câmara de Lobos, tendo sido até ao momento infrutíferas.

Entretanto, a Capitania do Porto do Funchal cancelou o aviso de mau tempo de sinal 6, tendo emitido para o dia de hoje um aviso de sinal 2, que aponta para vento por vezes muito forte.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.