A notícia chegou quando o filantropo e multimilionário Robert F. Smith discursava na cerimónia de final de curso da Morehouse College, uma Universidade americana fundada há mais de cem anos, originalmente apenas para afro-americanos, e pela qual passaram nomes como o do ativista Martin Luther King Jr., do realizador Spike Lee ou do ator Samuel L. Jackson.

Smith, que recebeu o título de Honoris Causa (Doutoramento honorário), já tinha anunciado em janeiro deste ano uma doação para a instituição no estado da Geórgia no valor de 1,5 milhões de dólares (cerca de 1,34 milhões de euros).

"Em nome das oito gerações da minha família que viveram neste país, vamos colocar um pouco de combustível no vosso autocarro", disse Smith surpreendendo este domingo os finalistas. "Está é a minha classe, 2019. A minha família vai criar uma bolsa para eliminar os vossos empréstimos”, anunciou.

De acordo com o New York Times, beneficiam desta generosidade mais de 400 alunos.  Não se sabe, até ao momento, o valor exato do ato uma vez que a Universidade ainda precisa de calcular a dívida total dos estudantes que serão beneficiados. No entanto, a revista Times avança com uma estimativa de 40 milhões de dólares (36 milhões de euros).

Robert F. Smith, de 56 anos, fundou a empresa Vista Equity Partners em 2000 para investir em empresas de software. Em foi considerado pela Forbes como o homem negro mais rico da América.

Muitos dos estudantes norte-americanos terminam o curso, mas, com sorte, iniciam uma carreira no mercado de trabalho com uma dívida de dezenas de milhares de dólares para saldar. No final de 2018, as dívidas dos alunos universitários às instituições de crédito, somavam-se em 1,5 biliões de dólares (cerca de 1,3 mil milhões de euros).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.