Para percorrer cerca de quatro quilómetros, entre Espinheira e a sede do concelho de Penacova, distrito de Coimbra, “os condutores têm demorado mais de meia hora”, pelo facto de os trabalhos estarem a decorrer durante o dia, disse à agência Lusa Avelino Mesquita, daquela associação.

“É complicado fazer essas obras de dia, com a circulação alternada nos dois sentidos. Podiam ser feitas de noite, quando há menos trânsito”, defendeu.

Com esse objetivo, Avelino Mesquita preconizou que a Infraestruturas de Portugal “deve repensar” a realização das próximas intervenções no IP3 (estrada que liga Coimbra a Viseu), designadamente na zona da Livraria do Mondego, também no município de Penacova.

“Fomos apanhados de surpresa por esta situação. Desde quarta-feira, tem sido o caos, com quilómetros e quilómetros de carros e camiões”, sublinhou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.