"A Cofina Media vai agilizar a sua estrutura organizativa, deixando de contar com uma direção geral editorial, função que será extinta", pode ler-se em comunicado divulgado pelo grupo.

"Desde 2017, a Cofina Media concentrou a direção editorial de todos os seus títulos – Correio da Manhã, CMTV, Jornal de Negócios, Sábado, Record, Flash, TV Guia, Máxima e Aquela Máquina numa direção geral liderada por Octávio Ribeiro, tendo como Diretores-Gerais Adjuntos Armando Esteves Pereira e Alfredo Leite", é referido.

Assim, "tendo em conta o contexto que os Media atravessam, a Cofina passará a contar com responsáveis editoriais por marcas, televisão e Correio da Manhã por um lado, e os restantes títulos por outro". Para o grupo, "esta reorganização otimiza o seu segmento de televisão, tendo agregado o principal título do grupo, e por outro reforça a identidade própria dos restantes segmentos de media, sem contudo deixar de obter as sinergias de grupo",

"Com esta reorganização, Octávio Ribeiro deixará o Grupo, onde está desde 2002, para se dedicar a projetos pessoais fora do setor dos media", é ainda avançado, sendo ainda agradecido "todo o empenho, dedicação, profissionalismo e lealdade com que ao longo de mais de duas décadas emprestou ao Grupo, tendo sido um fator indispensável para o seu sucesso, crescimento e resiliência".

A Cofina diz ainda que a liderança editorial do Correio da Manhã e CMTV passa para Carlos Rodrigues, "ficando os restantes títulos entregues às Direções atualmente em funções".

Carlos Rodrigues "iniciou a sua carreira jornalística na RTP, tendo depois integrado os quadros da TVI. Antes de iniciar funções, em 2012, no Correio da Manhã e CMTV, onde integrava a direção como Diretor Executivo, foi Subdiretor de Informação da SIC".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.