Um grupo de 33 soldados recrutas iniciou a sua instrução básica no Regimento de Artilharia Antiaérea n.º 1, em Queluz, na passada segunda-feira.

Poucos dias depois, na sexta-feira, oito desses soldados foram internados no Hospital das Forças Armadas, em Lisboa, confirmou à Lusa fonte do Exército.

Segundo a porta-voz do Exército, “estão todos a evoluir bem, bem-dispostos e a previsão é que tenham alta muito em breve, estando animados para voltar à instrução”.

Na semana passada, as temperaturas subiram e estima-se que a razão para o internamento destes jovens esteja relacionada com a excessiva exposição ao sol.

O Exército acrescentou que a opção pelo internamento hospitalar se prendeu também com a garantia de manter a monitorização dos soldados e garantir que a recuperação é acompanhada por profissionais de saúde.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.