Numa sessão especial realizada este domingo, o Parlamento da Venezuela, controlado pela oposição, declarou que o país se encontra em "ruptura da ordem constitucional", devido à suspensão do referendo revogatório contra o presidente Nicolás Maduro.

A Assembleia Nacional concordou em "declarar a ruptura da ordem constitucional e a existência de um golpe de Estado cometido pelo regime de Nicolás Maduro", motivo pelo qual empreenderá ações internacionais e de pressão popular, informa a resolução votada em plenária.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.