Em comunicado, a PSP refere que o suspeito, sozinho ou em coautoria, abordava os condutores de plataformas eletrónicas e taxistas, ora encomendando o serviço, ora entrando no veículo quando se encontrava parado.

Segundo a PSP, agia da mesma forma com os estafetas motorizados de entregas ao domicílio de alimentos confecionados.

“Uma vez na sua presença, mediante ameaças e coação, com violência física, e com utilização de armas brancas, roubava-lhes todo o dinheiro que possuíam, telemóveis e, no caso dos estafetas motorizados de entregas ao domicílio de alimentos confecionados, também a encomenda”, acrescenta.

Após investigações que duraram “alguns meses”, a PSP deteve o suspeito na quarta-feira, no bairro social de Santa Tecla, em Braga, onde reside.

Na sua posse, o jovem tinha um telemóvel que havia roubado a uma motorista de plataforma eletrónica, em 22 setembro, e cerca de 60 euros.

O suspeito acabaria por ser reconhecido por cinco vítimas, designadamente dois motoristas de táxi, dois condutores de plataformas eletrónicas e um estafeta motorizado de entregas ao domicílio de alimentos confecionados, por crimes de roubo praticados entre 27 julho e 25 setembro, todos nas imediações daquele bairro social.

Dois dos crimes aconteceram em 27 julho e três entre os dias 22 e 25 de setembro.

A PSP sublinha o “grande alarme social” causado pela atuação do suspeito e a “gravidade” do tipo de crime em causa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.