"Se recebeu uma SMS com o remetente ‘PingoDoce’ com referência a um sorteio ou concurso, não clique no link e apague a mensagem. Trata-se de uma campanha fraudulenta".

O alerta foi publicado pela empresa da Jerónimo Martins esta terça-feira, 3 de dezembro, e visa alertar os clientes que receberam no telemóvel uma mensagem a informar que tinham ganho um concurso em novembro.

Adianta o Pingo Doce que "este tipo de SMS pretende aliciar o utilizador a clicar no link da mensagem, para fornecer dados pessoais (nome, morada, número de identificação fiscal, entre outros) e dados bancários numa página de internet falsa identificada como Pingo Doce, dando assim credibilidade à fraude".

E já a pensar em situações semelhantes no futuro, adianta que "o Pingo Doce não solicita dados pessoais e bancários por SMS".

A empresa não detalha quantos clientes foram afetados, referindo que "estas SMS são enviadas para números de telemóvel aleatórios que podem ou não pertencer a clientes Poupa Mais registados".

O Pingo Doce "não tem evidências de ter sido alvo de acesso indevido à sua base de dados de clientes" e deixa uma nota: sempre que receber comunicações que lhe parecem ser da marca, "em caso de dúvida, não forneça os seus dados pessoais e/ou bancários e contacte o nosso Serviço de Apoio ao Cliente através do número 808 20 45 45".

"As campanhas e promoções do Pingo Doce são divulgadas através dos canais oficiais da marca, nomeadamente, no nosso site, a página de Facebook e/ou Instagram", concluem.

Não carregue no link e apague a mensagem

As tentativas de, em nome de outrem, obter informação sobre um utilizador de forma fraudulenta chamam-se phishing. E o facto é que mensagens fraudulentas como esta já atingiram outras cadeias de distribuição e marcas.

Há poucos dias, a Worten, do grupo Sonae, informou os seus clientes estavam a circular "SMS fraudulentos que não são nem da autoria, nem da responsabilidade da Worten. O SMS em questão refere que o cliente ficou em 3º ou 5º lugar num sorteio. É falso. Por favor, não cliquem no link da mensagem e apaguem a mesma".

Também a EDP lançou um alerta semelhante em setembro, desta vez porque os seus clientes estavam a receber mensagens falsas para pagamentos de valores em dívida. À data, a empresa alertava que estavam "a ser enviados sms para pagamentos de valores em dívida para evitar interrupções de fornecimento de energia/serviços em nome da EDP. Os sms utilizam as entidades 11893, 21423 e 21800, que não pertencem à EDP Comercial".

No seu site, a empresa deixa uma série de recomendações às pessoas que são vítimas de fraude telefónicas ou digitais.

Este tipo de atuação não é nova

A título de exemplo, no início do ano passado, o Continente, também do grupo Sonae, foi também obrigado a alertar os clientes para campanhas fraudulentas em seu nome. Recorrendo também ao Facebook, o supermercado deu conta de "campanhas fraudulentas em nome do Continente em algumas redes sociais".

Também nessa ocasião a marca fez questão de lembrar que todos os seus passatempo "são apenas realizados e divulgados através dos nossos canais oficiais". No caso em questão, tratava-se "de um falso passatempo que comemorava o 33º aniversário do Continente dando cartões presente no valor de 250 euros". Assim, para segurança dos utilizadores, estes não deveriam "clicar em nenhum link ou fornecer quaisquer dados pessoais".

Perto da mesma altura, também o Lidl deu conta da "divulgação de campanhas falsas em nome do Lidl Portugal em websites e em algumas redes sociais (WhatsApp, Facebook e Instagram), como o caso de um concurso para ganhar 'cartões presente no valor de 250€ na comemoração do 16º aniversário Lidl' através de uma inscrição com fornecimento de dados pessoais em websites fraudulentos".

No mesmo sentido, a empresa fez questão de reforçar que "todos os passatempos [da marca] são realizados pela nossa página oficial Lidl Portugal". "Pedimos a colaboração de todos os nossos fãs na denuncia da campanha fraudulenta em questão. Obrigado pela atenção", acrescentou.

Transversais a todos os casos estão algumas indicações: se receber uma SMS suspeita não clique nos links e não partilhe os seus dados. Em caso de dúvida, contacte a empresa em causa.

 

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.