Numa nota à comunicação social, a direção do CDS-PP, presidida por Assunção Cristas, recorda o “homem de muitos mundos”, o professor, investigador e tradutor dos clássicos, o 16.º reitor da Universidade de Lisboa.

Raul Rosado Fernandes foi também o homem do “mundo rural”, onde trabalhou, tendo sido fundador e presidente da Confederação dos Agricultores Portugueses (CAP).

No “mundo político”, é referido na nota, Rosado Fernandes foi “deputado e eurodeputado e a sua cultura, ironia e rapidez são inesquecíveis por todos que o conheceram”.

“Definiu-se como um ‘rústico erudito’, ele que reunia em si, de forma honesta e humilde, tanto de Portugal”, lê-se no comunicado do CDS-PP.

O antigo deputado do CDS-PP e fundador da CAP Raul Miguel Rosado Fernandes morreu hoje em Lisboa, aos 83 anos.

Raul Miguel Rosado Fernandes nasceu em 11 de julho de 1934, em Lisboa.

Licenciado em Filologia Clássica, foi reitor da Universidade de Lisboa entre 1979 e 1982. Pelo CDS-PP, foi deputado ao Parlamento Europeu (1995-1999) e eleito no parlamento português (1999-2001).

Autor de obras variadas sobre filologia, retórica, literatura grega, latina e portuguesa, com dezenas de publicações, também dedicou grande parte da sua atividade à defesa da agricultura portuguesa, tendo sido presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal, eleito em 1993.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.