Os ataques aéreos atingiram durante a noite de domingo - e nas últimas horas - várias localidades de Ghouta Oriental, nomeadamente em Hammouriyé, onde morreram 10 dos 14 civis.

De acordo com a organização não-governamental com sede em Londres, o presidente Bachar al-Assad está determinado em continuar a ofensiva iniciada no dia 18 de fevereiro.

O regime de Damasco é apoiado pela Rússia que tem forças e meios no terreno.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.