"É agora tempo de abrir o Texas a 100%", declarou Abbott, sem máscara, enquanto era aplaudido num restaurante apinhado na cidade de Lubbock, de acordo com o The Guardian.

O governador republicano foi fortemente criticado por causa da obrigatoriedade de utilização de equipamentos de proteção individual, como, por exemplo, as máscaras, imposta há cerca de oito meses, assim como pelas outras medidas de combater à propagação do SARS-CoV-2 implementadas.

Contudo, esta medida teve pouca aplicação, mesmo durante um dos piores surtes que aquele estado norte-americano enfrentou.

O Texas também vai 'deixar cair' a limitação do número máximo de pessoas que os restaurantes podem receber por mesa, acrescentou o governador, citado pela Associated Press (AP), que fez o anúncio destas decisões junto à fachada de um restaurante em Lubbock.

As novas regras entram em vigor em 10 de março.

“Remover as regras estatais não significa o fim da responsabilidade pessoal”, advertiu Abbott.

O 'levantamento' das medidas decretadas para mitigar a propagação da pandemia num dos maiores estados dos Estados Unidos poderá levantar preocupações sérias em relação ao aumento exponencial de novas infeções.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.