“Queremos expressar as condolências profundas às famílias das vítimas. A UEFA expressa a sua solidariedade para com a Federação Angolana de Futebol na sequência da tragédia que ocorreu em Uíge, na noite passada”, escreveu o presidente do organismo europeu, Aleksander Ceferin, numa nota publicada no site oficial da UEFA.

O jogo inaugural do campeonato angolano de futebol (Girabola) entre o Santa Rita de Cássia e o Recreativo do Libolo teve milhares de pessoas a tentar assistir à partida num estádio com capacidade para centenas de lugares.

Pelo menos 17 pessoas morreram, alegadamente ao forçarem a entrada no estádio municipal 04 de Janeiro, para assistirem ao jogo, que terminou com a vitória do Recreativo de Libolo, por 1-0.

Situada a cerca de 300 quilómetros de Luanda, a cidade de Uíge é capital da província com o mesmo nome, no norte de Angola, na fronteira com a República Democrática do Congo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.