O comício do presidente do Estados Unidos, de novo candidato ao cargo, está marcado para sábado, em Oklahoma, em plena pandemia provocada pelo novo coronavírus.

"Acabo de falar com o muito respeitado presidente de câmara de Tulsa, G.T. Bynum, que me informou que não haverá recolher obrigatório esta noite ou amanhã [sábado] para os nossos muitos apoiantes presentes no comício #MAGA", um acrónimo para o seu slogan "Tornar a América Grande Outra Vez", escreveu num tweet Donald Trump, que se candidata à reeleição no dia 3 de novembro.

O presidente americano acrescentou na rede social: "Divirtam-se. Obrigado ao presidente da Câmara Bynum".

O recolher obrigatório, que abrange apenas a área onde Trump tem agendado fazer o seu discurso no sábado à noite, começou na quinta-feira, às 22:00 locais, e deveria prolongar-se até domingo de manhã, com uma pausa durante o comício.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 456 mil mortos e infetou mais de 8,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (118.758) e mais casos de infeção confirmados (cerca de 2,2 milhões).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.