“Um grupo de cerca de uma centena de migrantes foi preso pelos serviços polacos”, indicou o ministério acusando a Bielorrússia de ter “forçado os migrantes a lançar pedras contra os soldados polacos para desviar a atenção”.

O incidente ocorreu poucas horas depois de o regime de Minsk ter anunciado “negociações” com Bruxelas para solucionar a “crise migratória”, em curso nas fronteiras com países da União Europeia.

Os Estados Unidos e a União Europeia acusam a Bielorrússia de organizar o fluxo de pessoas, respondendo desta forma às sanções económicas impostas depois das eleições presidenciais de 2020.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.