O Peel Park campus, da Universidade de Salford, em Manchester, foi reaberto minutos depois de ter sido evacuado esta terça-feira, com os funcionários e estudantes a serem obrigados a abandonar o edifício.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, a polícia foi obrigada a intervir na Universidade de Manchester devido a um pacote suspeito, sem que, no entanto, fonte oficial confirme tal informação.

No Twitter, a universidade pediu que todos cumprissem a ordem de evacuação sem, no entanto, divulgar os motivos para a qual. Foi apenas anunciado que a polícia estava a tomar conta da ocorrência.

A instituição informa ainda que a polícia está no campus universitário e que serão dadas mais informações aos estudantes assim que for possível.

Cerca de 25 minutos depois, e novamente recorrendo ao Twitter, a Universidade afirmou que o campus foi reaberto, por instrução dos agentes da autoridades.

Esta segunda-feira, um bombista suicida fez-se explodir junto a uma saída da Manchester Arena, no Reino Unido, provocando a morte a 22 pessoas e ferindo outras 59, algumas das quais ainda em estado crítico.

O ataque foi reivindicado pelo autoproclamado Estado Islâmico surge para reivindicar o ataque.

[Notícia atualizada às 18h42]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.