Em declarações à Lusa, fonte da PSP referiu que os assaltos ocorreram entre sexta-feira e segunda-feira de manhã, escusando-se a dar mais detalhes.

Uma das advogadas que foi vítima de assalto contou à Lusa que, no total, terão sido assaltados cerca de uma dezena de escritórios de advogados nas ruas do Recreio Artístico, Homem Cristo Filho, Gustavo Ferreira Pinto Basto, capitão Sousa Pizarro e dr.º Alberto Souto.

A mesma fonte referiu que os assaltantes arrombaram as portas e entraram nos escritórios, mas não terão levado nada.

“Estamos todos intrigados com o motivo dos assaltos, porque ninguém deu conta que faltasse o que quer que fosse”, disse a causídica.

A advogada referiu ainda que, aparentemente, não há qualquer ligação entre os advogados que foram assaltados, uma vez que não têm processos em comum e trabalham em áreas de direito diferentes.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.