O Sporting de Braga vem de duas derrotas seguidas no campeonato, em casa com o FC Porto (3-2) e na visita ao Moreirense (1-0), tendo somado quatro desaires nas últimas sete jornadas, e está agora a três pontos do terceiro classificado, o Sporting, depois de já ter tido mais sete do que os ‘leões’.

“De facto, não podemos esconder o momento, não estamos num bom momento e temos de dar uma resposta. Mas estes jogadores têm tido caráter nestes momentos, que têm sido poucos, estamos preparados e temos a obrigação de ganhar. A reflexão que fizemos foi reconhecer o momento, que temos de fazer mais e melhor e dar uma resposta”, disse.

O técnico lembrou o desaire em Moreira de Cónegos, na última jornada, considerando que, depois do golo sofrido, “um infortúnio” de Tiago Sá, a equipa “não foi capaz de fazer” o que costuma.

“Complicámos os caminhos para a baliza, na segunda parte houve mais coração do que cabeça, corremos muito e mal, faltou coordenação e organização ofensiva”, analisou.

Sobre o Tondela, disse ser “uma equipa muito bem organizada, que cria dificuldades às equipas ‘grandes’ e que faz boas transições, com Tomané no apoio e Murillo na profundidade”, pelo que tem que ser um Sporting de Braga “alerta” para levar de vencida o adversário.

Abel Ferreira considerou ainda que há uma mistura de mérito do Sporting e demérito do Braga na ultrapassagem dos ‘leões’ na tabela classificativa.

“No futebol temos de ter a capacidade de manter o equilíbrio e perceber que temos de fazer mais e melhor. Temos de assumir que os resultados não foram condizentes com as exibições, mas há um equilíbrio nisso: o Sporting melhorou e a nós faltou-nos alguma felicidade com outros fatores que não controlamos. É continuar a acreditar”, reconheceu.

A equipa B dos minhotos continua nos lugares de despromoção na II Liga depois e voltar a perder, em casa, na sexta-feira, com o Cova da Piedade (1-0) e Abel Ferreira, questionado sobre se pode ceder jogadores, notou que o plantel da formação principal ficou encurtado por lesões.

“Sabem a dificuldade que temos tido com lesões. Ricardo Ferreira, Matheus, Lucas, Ailton, saiu o Luther Singh [emprestado ao Desportivo de Chaves], o Trincão subiu à primeira equipa, fica curto, a equipa está curta, mas a equipa B tem recursos, tem treinador e tem de acreditar que é possível a manutenção, tem sido essa a sua matriz, lutar até ao fim”, rematou.

Sporting de Braga, quarto classificado com 58 pontos, e Tondela, 15.º com 28, defrontam-se no domingo, às 17:30, no Estádio Municipal de Braga.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.