Numa nota que pode ser lida no site oficial das "águias", pode ler-se que "a Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa todos os Sócios e adeptos que decidiu suspender a venda de bilhetes programada para se iniciar amanhã, quarta-feira, referente ao próximo jogo no Estádio da Luz, o Benfica-FC Porto do dia 7 de outubro a contar para a Liga NOS".

Esta medida, justifica o comunicado, foi tida "em face da decisão hoje tomada pela Federação Portuguesa de Futebol, através do Conselho de Disciplina, de considerar improcedente o recurso do castigo aplicado de um jogo à porta fechada no Estádio da Luz".

O Benfica acrescenta ainda que "qualquer eventual alteração, resultante das medidas procedimentais interpostas pela Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, será de imediato comunicada".

Em causa, estão processos relacionados com o alegado mau comportamento dos adeptos na época passada, situação que motivou igualmente uma partida à porta fechada para o Sporting de Braga, que alegadamente também viu o seu recurso rejeitado pelo pleno do conselho de disciplina.

No caso do Benfica, trata-se da “reincidência no arremesso perigoso de tochas para o terreno do jogo”, neste caso na visita ao Estoril Praia, em 21 de abril passado.

Entretanto, o Benfica já classificou como “séria e muito grave” aquela decisão e que avançará "de imediato com o devido procedimento cautelar, junto do Tribunal Arbitral do Desporto (TAD), com vista à suspensão dos efeitos da decisão em causa e posterior impugnação da mesma”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.