A equipa ucraniana entrou melhor e conseguiu inaugurar o marcador por intermédio de Voitenko, aos sete minutos, mas a reação da equipa das ‘quinas’ foi imediata e, aos 11 minutos, Bê Martins restabeleceu a igualdade, na execução de uma livre por falta cometida sobre ele próprio.

No segundo período, a seleção lusa mostrou a sua superior qualidade em relação ao opositor, a qual materializou com mais dois golos, de Torres, aos 13 minutos, e de Batalha, aos 20.

No terceiro e último período, a Ucrânia ainda conseguiu, com alguma felicidade, reentrar na discussão do resultado, graças a um autogolo de Belchior, mas Léo Martins resolveria a questão em definitivo, com o quarto golo, aos 30 minutos, a aproveitar uma defesa incompleta do guarda-redes ucraniano.

No outro jogo do dia, a Suíça venceu a Alemanha por 8-6, passando a somar seis pontos, tal como Portugal, pelo que irão discutir o título europeu no domingo, a partir das 17:30, no Estádio do Viveiro – Jordan Santos.

A seleção lusa, que é a atual campeã da Europa e do Mundo, já conquistou o campeonato europeu por seis vezes e tenta agora revalidar o título na Nazaré.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.