“Desde que vim para Portugal que queria jogar no Sporting. É um clube muito grande e fantástico. Estou muito feliz. Sem dúvida que este é o maior desafio em toda a minha carreira”, disse o médio, citado pelo sítio oficial dos 'verde e brancos' na Internet, que não revela o valor da transferência.

O médio de 27 anos, que já representou a seleção nipónica 16 vezes, marcando dois golos, afirmou sentir-se “muito bem”, tanto na posição de ‘6’ como na de ‘8’ e elogiou o futuro treinador, Ruben Amorim: “é inteligente e construiu uma equipa agressiva, sinto-me confortável com isso e quero muito trabalhar com ele”.

Antes do conjunto açoriano, Morita tinha atuado pelo Ryutsu Keizai e Kawasaki Frontale, conquistando dois títulos nacionais nipónicos, uma Taça do Japão, uma Taça da Liga japonesa e uma Supertaça nipónica.

Morita, que atuou em 38 jogos pelo Santa Clara na época passada e marcou dois golos, junta-se assim ao defesa-central neerlandês Jeremiah St. Juste como as duas contratações do Sporting para a temporada 2022/23.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.