João Sousa, 43.º do ‘ranking’ mundial, que entrou no quadro principal face à desistência do italiano Fábio Fognini, até superou Shapovalov no primeiro parcial, com um 6-2 a seu favor, porém, o 34.º da hierarquia, com um 6-3, seguido de um 6-2, ao fim de uma hora e 39 minutos, deixou o vimaranense fora da prova.

O número um nacional vai competir ainda hoje ao lado do argentino Guido Pela, na vertente de pares.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.