A atleta do Sporting saltou 14,09 metros ao quarto ensaio, o seu segundo ensaio válido (abriu com um nulo, saltou 13,84, fez nulo, saltou 14,09, e fez mais dois nulos — o último seria suficiente para vencer).

Com esta marca, Patrícia Mamona sobe ao quarto lugar no ranking de 2020 do triplo salto.

Na prova que integra o circuito mundial World Indoor Tour da Federação Internacional de Atletismo (IAAF), a vencedora foi a alemã Neele Eckhardt, com 14,17 metros, melhor marca mundial do ano e recorde pessoal. Na terceira posição ficou a lituana Dovile Kilty, com um salto de 14,06 metros.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.