O presidente da Câmara de Penafiel, Antonino Sousa, disse à Lusa que estas atribuições a Abel Ferreira, que nasceu no concelho a 22 de dezembro de 1978, foram esta tarde aprovadas em reunião do executivo e serão agora levadas à Assembleia Municipal.

A câmara aprovou também um voto de louvor àquele conterrâneo por "ter elevado o nome de Portugal no panorama do futebol mundial".

"Em Penafiel sentimos um orgulho imenso nesta vitória. É uma conquista de um nosso conterrâneo, mas é também uma conquista de todos os penafidelenses, que apoiaram e torceram para que tudo corresse da melhor forma", disse o autarca, acrescentando que, “pelo feito conseguido, a Câmara Municipal não poderia deixar de reconhecer o Abel com a medalha de ouro da cidade e do concelho, que é sem dúvida muito merecida".

Antonino Sousa disse que espera receber brevemente "o Abel nos Paços do Concelho e realizar a devida homenagem".

Após o jogo que o Palmeiras ganhou por 1-0 frente ao Santos, na final da Taça dos Libertadores, o presidente da Câmara de Penafiel, no distrito do Porto, felicitou o treinador "em nome de todos os penafidelenses".

Nas redes sociais, referiu o autarca, foi também possível constatar as inúmeras felicitações que Abel Ferreira recebeu e a onda de orgulho dos seus concidadãos.

Abel Fernando Moreira Ferreira nasceu em Penafiel, a 22 de dezembro de 1978. Formou-se e tornou-se jogador profissional, como lateral direito, no FC Penafiel em 1997, onde ficou até 2000.

Na sua quinta final, o Palmeiras conquistou a Taça dos Libertadores pela segunda vez na sua história, depois da conquista em 1999, então sob o comando de Luiz Felipe Scolari, antigo selecionador de Portugal, ao vencer o Santos, por 1-0, com um golo do suplente Breno Lopes, aos 90+9 minutos.

O ‘verdão’ sucede no historial da principal competição sul-americana de clubes ao Flamengo, que tinha arrebatado a edição de 2019 sob o comando do atual treinador do Benfica Jorge Jesus, depois de bater o River Plate por 2-1, na primeira final a um só jogo na história da prova.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.