Na final, disputada no BMO Field, em Toronto, Canadá, o resultado ficou em branco no final dos 90 minutos regulamentares e nem o prolongamento ‘mexeu’ no marcador, levando a decisão do campeonato para os penaltis.

Na ‘lotaria’, foram mais felizes os Seattle Sounders, ao vencerem por 5-4. O penalti decisivo foi marcado pelo panamiano Roman Torres, que acabou por ser o herói do encontro.

Os Seattle Supersonics só entraram na MLS em 2009 e qualificaram-se sempre para os ‘play-off’ do campeonato, sucedendo na ‘galeria dos campeões’ aos Portland Timbers.

O histórico dos campeões é liderado pelos Los Angeles Galaxy, que já venceram a MLS por cinco vezes, a última em 2014, seguidos do DC United, com quatro títulos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.