“Neymar ainda não está a cem por cento, mas é um privilegiado fisicamente. O seu ‘sprint’ é impressionante, mas ainda não está na plenitude da sua condição física”, disse Tite, que falava na conferência de imprensa prévia ao jogo com a Suíça, na Arena Rostov.

Apesar de Neymar estar ainda à procura da sua melhor forma, dado que esteve parado a recuperar de uma lesão, o selecionador ‘canarinho’ assegurou que o jogador do Paris Saint-Germain “está melhor do que se podia imagina” e “pronto para fazer um grande Mundial”.

Quem irá falhar o jogo de estreia do Brasil frente à Suíça é Fred, que sofreu uma lesão durante os treinos, após uma entrada mais dura do ex-portista Casemiro, do Real Madrid.

Tite, de 57 anos, definiu o Brasil como “uma equipa forte, competitiva, com uma ideia de jogo bem definida, com qualidade técnica coletiva e individual e candidata a vencer o Mundial”.

No entanto, o selecionador brasileiro garantiu que uma das chaves para o sucesso numa competição deste género é ser “mentalmente forte” e “nunca desesperar quando as coisas, por alguma razão, derem errado”.

Questionado sobre o jogo de sexta-feira entre as seleções de Espanha e de Portugal (3-3), Tite disse que viu apenas os golos e que não possui elementos para comentar o encontro.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.