O treinador dos 'dragões' recordou, à margem da antevisão do jogo de sábado, com o Desportivo das Aves, da 32.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, os momentos vividos perante o problema de saúde que afetou o guarda-redes durante o treino de quarta-feira.

"Estávamos a fazer um exercício com dois guarda-redes e ele [Casillas] estava a fazer outro tipo de trabalho. Quando percebi que estava com dificuldades, já o fisioterapeuta que nos acompanha estava com ele e, entretanto, chegou, rapidamente o médico", começou por descrever Sérgio Conceição.

O treinador confessou que, no momento, não achou que a situação "fosse algo de muito grave", pensado que Casillas estava a ter uma "indisposição normal", embora reconhecendo que nos 15 minutos finais da sessão de trabalho "o grupo já não esteve tão focado".

"Só no fim tivemos essa notícia, quando o médico me ligou dizer o que se tinha pensado. Senti o plantel chocado com a situação", revelou.

O técnico dos ‘dragões’ anunciou que esta tarde, antes de o plantel rumar para estágio, está programada uma visita conjunta ao guarda-redes espanhol, na unidade hoteleira onde Casillas está internado, no Porto.

"Tenho falado diariamente com ele e hoje o plantel vai visitá-lo. Sei que neste período aconselha-se alguma tranquilidade para que não seja exposto a momentos em que o coração possa bater forte ao ver os colegas, mas teremos precaução nas visitas e está tudo feito em comunicação com o departamento médico", explicou Sérgio Conceição.

Questionado sobre se este incidente poderá abalar o grupo de trabalho portista, o técnico garantiu que tem um plantel "muito forte e solidário".

"Não precisamos de situações destas para unir o grupo. É algo que faz parte da vida e tenho um grupo muito solidário, com espírito muito forte dentro do balneário. Sentimos muito esta situação, mas é com isto que temos de viver, temos de o ajudar na sua recuperação e pode contar com todos neste clube", sublinhou.

O treinador do FC Porto lembrou que "o futebol faz parte da vida, mas que a vida é mais importante do que tudo o resto", reiterando a solidariedade do plantel com Casillas e sua família.

O FC Porto anunciou na quarta-feira que Casillas estava bem e estável, após ter sofrido "um enfarte agudo do miocárdio durante o treino", realizado no Centro de Treinos e Formação Desportiva do campeão nacional.

De acordo com a mesma nota, "a sessão de trabalho foi prontamente interrompida para ser prestada assistência ao guarda-redes do FC Porto", que está internado no Hospital CUF Porto, adiantando que o guarda-redes "está bem, estável e com o problema cardíaco resolvido".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.