A jogar em casa, a Atalanta, que poderia ter inaugurado o marcador aos 18 minutos, quando Musa Barrow falhou uma grande penalidade, colocou-se em vantagem aos 56 minutos com um golo de Robin Gosens.

O avançado argentino Gonzalo Higuain esteve nos três golos da formação orientada por Maurizio Sarri, marcando aos 74 e 82, e fazendo a assistência para o seu compatriota Dybala marcar o terceiro, já em tempo de descontos, aos 90+2.

Cristiano Ronaldo não foi convocado para a deslocação a Bergamo por, segundo o treinador da Juve, não ter regressado nas melhores condições físicas dos dois compromissos da seleção, frente à Lituânia e ao Luxemburgo.

A octocampeã Juventus mantém a liderança isolada da prova, com 35 pontos, mais quatro do que o Inter Milão, que ainda hoje visita o Torino, enquanto a Atalanta ocupa a sexta posição, a última ‘vaga’ europeia, com os mesmos pontos (22) da Roma, de Paulo Fonseca, que tem menos um jogo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.