“Este é o dia em que todos os sportinguistas estão de parabéns, estamos a festejar 114 anos de história, glória e muito amor por este clube. Esta obra merecia uma cerimónia aberta aos sócios, mas devido às circunstâncias que vivemos, não foi possível. Conseguimos tanto para o estádio como para a academia, dois belos ‘leões’, com força, jovens, com ambição, vitalidade e coragem. Esta é uma obra que os sportinguistas merecem e que esta praça merece”, considerou o presidente do Sporting, Frederico Varandas.

Ainda antes da inauguração da estátua, cuja autoria é de Cláudio Monteiro, o Museu Sporting recebeu todos os presentes para formalizar a entrega de um brasão histórico do clube que tinha sido encontrado nos escombros das bancadas do antigo Estádio José Alvalade, peça essa que ficou guardada desde essa altura e vê agora a luz do dia.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.