Na reação ao sorteio, o representante do Benfica, Shéu Han, destacou a qualidade dos ‘arsenalistas’ e disse esperar um confronto equilibrado.

“É um clássico do futebol português e vamos ter uma eliminatória muito acesa. Espero que desperte grande entusiasmo do público e que possamos corresponder às expectativas”, disse o antigo jogador das ‘águias’.

Já Alan, antigo jogador dos minhotos, desejou que o jogo no Estádio da Luz seja uma “festa” digna de um jogo da Taça de Portugal.

“É um jogo digno de uma final. O Benfica dispensa palavras. Que seja um jogo aceso, bonito e de festa como é característico da Taça, em que acredito que quem errar menos sairá vencedor”, disse o atual diretor de relações internacionais.

O sorteio ditou também um adversário da I Liga para o FC Porto, que pela terceira vez esta temporada vai receber o Santa Clara.

O representante do FC Porto no sorteio realizado na Cidade do Futebol, Fernando Gomes, relembrou o que disse no sorteio da terceira ronda, quando considerou que ganhar a ‘prova rainha’ é o segundo objetivo mais importante da época dos ‘dragões’.

“A Taça é um dos grandes objetivos da época e vamos procurar reconquistá-la. Temo-nos saído bem até aqui, mas o Santa Clara tem proporcionado jogos difíceis quando se desloca ao nosso estádio, por isso estamos precavidos para as dificuldades que vamos ter”, disse o antigo avançado ‘azul e branco’.

Do lado da equipa açoriana, o vice-presidente Bruno Domingues mostrou-se ambicioso na abordagem ao mais uma visita ao Estádio do Dragão.

“É um jogo difícil para nós, mas queremos ter o nosso trajeto na competição e passar esta eliminatória será histórico. Vamos com grande competência e força ao Dragão”, garantiu o dirigente.

Noutro jogo dos oitavos de final, o Marinhense recebe o Rio Ave e o presidente da equipa do Campeonato de Portugal quer continuar a surpreender na competição.

“Vamos fazer tudo por isso. Queremos muito passar mais uma eliminatória e vamos fazer tudo o que está ao nosso alcance. As equipas do Campeonato de Portugal são fortes e têm-no demonstrado na Taça”, recordou o dirigente da equipa da Marinha Grande.

Já o presidente do Rio Ave, António Campos, garantiu que os vilacondenses estão focados em chegar ao Jamor e cimentar o crescimento que têm registado nas últimas épocas.

“Temos os nossos objetivos e um deles é chegar à final da Taça. Vamos respeitar o adversário e encarar o jogo com muito profissionalismo”, garantiu.

A representar o Paços de Ferreira, que vai receber o Sporting de Espinho, Paulo Gonçalves assumiu que espera um jogo “difícil” frente ao emblema do Campeonato de Portugal.

“Já defrontámos duas equipas do Campeonato de Portugal, que vencemos com dificuldade, por isso estamos longe de pensar que será um jogo fácil. Temos o objetivo de chegar à final e teremos de fazer pela vida para lá chegar”, garantiu.

Já o representante do Sporting de Espinho, Bernardo Gomes de Almeida, sublinhou que a equipa quer voltar aos grandes palcos e encara este desafio como uma forma de testar as suas capacidades.

“Vai ser um jogo difícil, num campo difícil, mas o lugar do Espinho é nos campeonatos profissionais e vamos dar tudo para passarmos esta fase e sermos felizes”, terminou.

Os jogos dos oitavos de final da Taça de Portugal envolvem sete equipas da I Liga, cinco da II Liga e três do Campeonato Portugal, com jogos que vão realizar-se entre os dias 17 e 19 de dezembro.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.