A tenista japonesa Naomi Osaka, vencedora de quatro títulos do Grand Slam, despediu-se em lágrimas do torneio norte-americano de Indian Wells depois de perder no sábado para a russa Veronika Kudermetova.

Assim que o jogo da segunda ronda do torneio começou, Osaka, que caiu para o 78.º lugar do 'ranking' mundial, ouviu um insulto das bancadas e pediu a intervenção do árbitro para que a pessoa fosse retirada.

No entanto, apesar de muitos fãs apoiarem o pedido de Osaka, não se conseguiu detetar a pessoa responsável.

Osaka estava à beira das lágrimas durante os intervalos entre jogos e perdeu o primeiro 'set' por 6-0. Tentou reagir no segundo 'set', mas acabou por perder também este por 6-4.

No final do jogo, na entrevista feita ainda no campo, Osaka rebentou em lágrimas, conseguindo ainda agradecer aos adeptos que a tinham apoiado durante o jogo e admitiu que o insulto a tinha desestabilizado.

Depois do último título conquistado em Melbourne, a nipónica teve um ano psicologicamente difícil em 2021, admitindo sofrer de depressão. Acabou por se retirar da competição em Roland Garros e Wimbledon, colocando fim à sua época, depois de ser eliminada na terceira ronda do Open dos Estados Unidos, em setembro.

Osaka voltou à competição em janeiro no torneio WTA em Melbourne, onde chegou às meias-finais antes de abandonar com uma lesão abdominal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.