O torneio foi cancelado e não haverá reagendamento: a próxima edição, ou seja o 134º torneio de Wimbledon, irá decorrer entre 28 de junho a 11 de julho, de 2021. A informação foi revelada pela organização no site oficial do torneio.

"É com imensa pena que a administração do clube All England Club e o Comité de Gestão do Wimbledon decidiram hoje cancelar o torneio de 2020 devido às preocupações decorrentes da pandemia do coronavírus", pode ler-se no comunicado.

O Comité de Gestão justifica e considera o cancelamento como sendo a melhor decisão possível a tomar, pois foi de encontro com o interesse da "saúde pública". Além disso, reitera que era necessário reagir no imediato e não podia continuar adiar uma tomada de decisão.

O torneio seria disputado entre 29 de junho e 12 de julho.

O site Bleacher Report, que cita o Washington Post, nota que o torneio foi cancelado apenas duas vezes na sua história: durante a I e a II Guerra Mundial. A mesma publicação refere ainda que um adiamento iria criar dificuldades de calendário aos atletas visto que iria apertar a sua agenda já bastante congestionada.

O arranque dos 'Grand Slam' começou em janeiro com o Open da Austrália, mas com o Torneio de Roland Garros a ser adiado para setembro e o início do US Open marcado para 31 de agosto, ficaria difícil arranjar uma data para o principal torneio do circuito na relva.

Esta é mais uma competição a ser afetada pela pandemia do novo coronavírus, que já levou ao adiamento para 2021 dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 e do Euro2020 de futebol.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.