A notícia foi avançada pelo jornal Record esta terça-feira à noite.

O caso passou-se durante o dérbi entre o Olympiakos, equipa que o técnico português orientava na altura, e o Panathinaikos.

Antes do início da partida, Vítor Pereira aproximou-se da bancada onde se encontravam os adeptos da equipa adversária, naquele que foi um comportamento considerado provocatório.

A claque da equipa da casa reagiu atirando objetos e material pirotécnico para o relvado, tendo acabado por invadir o campo. Os jogadores e a equipa técnica de Vítor Pereira acabaram por se refugiar no túnel de acesso aos balneários.

O momento de tensão ficou registado neste vídeo.

O Panathinaikos acabou por vencer o jogo, por 2-1. No entanto, a Federação Grega de Futebol retirou os três pontos à equipa por comportamento incorreto dos adeptos, tendo aplicado também uma multa de 100 mil euros e um castigo de dois jogos à porta fechada, recorda a Renascença.

A decisão do tribunal de Atenas está a ser noticiada também pela imprensa turca. O técnico português orientou o Fenerbahçe, equipa de Istambul, logo depois de sair do Olympiakos.

Atualmente, Vítor Pereira é treinador da equipa chinesa Shanghai SIPG.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.