Além do castigo de um jogo à porta fechada, que será cumprido na receção ao Luxemburgo a 14 de novembro, a Federação sérvia terá de pagar uma multa de 33.250 euros.

A seleção sérvia ficará ainda sujeita a um período de ‘liberdade condicional’ de um ano, a iniciar-se três dias antes de receber a Ucrânia, que já assegurou o apuramento, no último jogo do grupo B da fase de qualificação.

Esta sanção da UEFA à Servia é conhecida numa altura em que aquele organismo avalia ainda o caso dos insultos racistas de uma falange de adeptos búlgaros no jogo frente à Inglaterra, que motivou uma interrupção da partida por parte do árbitro, a qual só recomeçou depois de esse grupo de adeptos ter abandonado o estádio.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.