“O Banco de Portugal adverte que a suposta entidade que atua sob a designação comercial “Parafi Gestion” não se encontra habilitada a exercer, em Portugal, qualquer atividade financeira reservada às instituições sujeitas à supervisão do Banco de Portugal, nomeadamente a receção de depósitos ou outros fundos reembolsáveis”, pode ler-se num comunicado hoje divulgado pelo banco central.

Na mesma comunicação, o supervisor bancário adverte que “a sociedade Paraíso Fidalgo – Unipessoal, Lda., com o NIPC 515918253, detida por Christopher Jean Pierre Johnny Jumeau, com o NIF 303132566, também não se encontra habilitada a exercer, em Portugal, qualquer atividade financeira reservada às instituições sujeitas à supervisão do Banco de Portugal”, nos mesmos termos da ‘Parafi Gestion’.

A instituição ressalva que a atividade de receção de depósitos ou outros fundos reembolsáveis, prevista no Regime Geral das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras, “encontra-se reservada às entidades habilitadas a exercê-las, conforme o disposto, no artigo 10.º daquele diploma”.

O Banco de Portugal refere que a lista de instituições autorizadas pode ser consultada no seu ‘site’ na internet.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.