Várias empresas tecnológicas e de media, entre as quais nomes bem conhecidos como Twitter, Spotify, PayPal, Reddit, CNN, Guardian e Wired, apenas para referir alguns, estiveram em baixo durante a manhã de hoje nos Estados Unidos, na mesma altura em que teve lugar um ataque em larga escala aos servidores da Dyn, um dos maiores hosts de domínios (DNS). Segundo o Gizmodo, um dos sites de referência em temas de tecnologia, é “relativamente seguro assumir que as duas situações estarão ligadas”. O ataque aos servidores da Dyn traduziu-se num ataque distribuído de negaçāo de serviço (distributed denial of service ou DDoS). Por outras palavras, basicamente, o Dyn foi inundado de pedidos a partir de várias fontes até os servidores deixarem de responder.

Como o Gizmodo explica, os DNS (Domain Name Servers) funcionam como a lista telefónica da internet: ajudam a executar os pedidos para aceder a uma determinada página e asseguram que somos direccionados para o sítio certo. O que significa que, se o servidor de DNS do Twitter ou da CNN estiver em baixo, torna-se praticamente impossivel chegar às respectivas páginas ,a nao ser que se tenha os enderecos ip e mesmo assim é possivel que os sites não funcionem por precisarem da informação de dominio

Na página da Dyn, a empresa deixou a seguinte mensagem: “às 11:10 de dia 21 de outubro, começámos a monitorizar e mitigar um ataque DDoS contra a nossa infraestrutura de DNS. Alguns clientes podem experienciar uma maior latência nos pedidos e uma demora na propagação durante este periodo”.

Da lista dos sites que estiveram em baixa ou com quebras de acesso fazem parte os seguintes nomes: ActBlue, Basecamp, Big cartel, Box, Business Insider, CNN, Cleveland.com, Esty, Github, Grubhub, Guardian.co.uk, HBO Now, Iheart.com (iHeartRadio), Imgur, Intercom, Intercom.com, Okta, PayPal, People.com, Pinterest, Playstation Network, Recode, Reddit, Spotify, Squarespace Customer Sites, Starbucks rewards/gift cards, Storify.com, The Verge, Twillo, Twitter, Urbandictionary.com (lol), Weebly, Wired.com, Wix Customer Sites.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.