O grupo escolheu a Vodafone Portugal para ter um centro de competências, o seu terceiro, em Lisboa, explicou o gestor, na inauguração do TV Hub, a partir de agora o laboratório de inovação que está a criar a televisão do futuro para os diferentes mercados onde a operadora opera.

Este centro de competências vai servir os oito mercados onde a Vodafone já disponibiliza uma oferta de televisão - Portugal, Espanha, Roménia, Irlanda, Grécia, Alemanha, Holanda e Nova Zelândia -, mas Mário Vaz admite a expansão para outros destinos, afirmando, contudo, não saber quando, nem quais, já que "cada mercado define a sua estratégia".

"500 milhões de utilizadores é o potencial de utilizadores" deste serviço, adiantou, referindo-se a um universo equivalente à população da União Europeia.

Atualmente, o grupo Vodafone está presente em 17 países com serviços de banda larga fixa e em 26 com serviço móvel.

Sem adiantar qual o montante investido neste centro, mas sublinhando que "o projeto vive de competências e recursos humanos", Mário Vaz adiantou que este integra 80 engenheiros de elevado e especializado 'know how' [conhecimento], representando a maioria "novas contratações".

"São 80 engenheiros portugueses, todos eles a trabalhar para o mundo através da sede da Vodafone Portugal", sublinhou.

Questionado se admite aumentar o número de engenheiros neste centro, Mário Vaz respondeu que sim, no horizonte do médio prazo.

Mário Vaz destacou o facto deste anúncio acontecer em outubro, em vésperas da Vodafone Portugal fazer 24 anos (a 18 de outubro), salientando que esta escolha de Lisboa "reforça o compromisso do grupo com Portugal".

Questionado sobre se a Vodafone está para ficar e qual é o balanço dos 24 anos da sua presença em Portugal, Mário Vaz disse: "O balanço só podia ser positivo" e que esteja presente "por mais um múltiplo de 24".

O TV Hub junta-se aos outros dois centros que o grupo tem em Portugal - Atlantic NOC (operações de rede) e desenvolvimento de soluções IoT (Internet of Things) - que totalizam os três 450 quadros altamente especializados no mercado português.

A inauguração contou com a presença do secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme d'Oliveira Martins, e o diretor de Unified Communications do grupo Vodafone, entre outros responsáveis da empresa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.