Já estamos no Instagram! Segue-nos em @vaisgostardisto, páginas que vamos utilizar para acompanhar o dia-a-dia do mundo na cultura pop.


Depois de quase mil dates...

Fomos habituados a ver séries e filmes que contavam histórias de amor profundas, baseadas no acaso. Quem nunca sonhou em ir contra alguém na escola, deixar cair os livros e, ao olhar para cima, ver o amor da sua vida? Este é um dos muitos exemplos de enredo que cai no cliché. A história de que te falo hoje foge a alguns dos dramas habituais, mas não deixa de ser previsível e, acima de tudo, de se adaptar à cultura de namoro do século XXI.

“Love, Guaranteed” (Amor Garantido, na tradução para Português) é uma romcom - que é como quem diz uma comédia romântica - que nos conta a história de Nick Evans (Damon Wayans Jr.), um homem adulto e solteiro, que baseia a sua busca pelo amor numa aplicação de encontros, a Love Guaranteed, que dá nome ao filme. Depois de pequenos-almoços, almoços e jantares, Nick soma já quase mil encontros (sim, leram bem, MIL encontros) e ainda não encontrou a sua alma gémea.

Perante a falta de sucesso, decide processar a empresa responsável pela app. Susan Whitaker (Rachael Leigh Cook) é a escolhida por Nick para o defender em tribunal. Solteira e rodeada de pessoas que se dedicam a formar uma família, a advogada tem alguma hesitação em aceitar o caso, julgando a vasta experiência de Nick. Depois de ponderar, acaba por dar o braço a torcer e tentar perceber o ponto de vista do seu cliente, para poder salvar o seu escritório.

  • Mas, afinal, porque é que é previsível?: A relação de Nick e Susan ultrapassa os limites de advogada e cliente, e  tornam-se os dois muito próximos. Conseguem adivinhar quem é que, no final do filme, desinstalou todas as apps de encontro?
  • Referência a “Friends”: Nick documenta todos os encontros que tem, classificando-os como se fossem episódios da série “Friends”: Aquela que falou de gatos a noite toda, a que levou os pais para o encontro, a que precisava de um par para o casamento da irmã, etc.
  • Para alimentar os curiosos: Numa entrevista, a protagonista Rachael Leigh Cook desvendou cinco coisas que tu (provavelmente) não sabes sobre romcoms. Espreita aqui.
Love Guaranteed Love Guaranteed
créditos: Rodrigo Mendes | MadreMedia

Sabes aquelas soluções revolucionárias para o bem-estar?

A Netflix veio desvendá-las (quase) todas. Não sabes do que falo? Ora pois, eu também não tinha reparado na série de documentários “(Un)Well”. Confesso que foi uma daquelas que me passou ao lado. Mas, assim que dei play no primeiro episódio, sabia que se ia tratar de uma sessão de binge watching. A série olha para a indústria do bem-estar e para as opções revolucionárias e milagrosas, que se apresentam muitas vezes como uma solução para os problemas que a medicina ocidental não consegue resolver. Compara ainda as experiências boas e más, dando a conhecer as duas pontas do espectro.

Como se trata de uma série documental composta por episódios isolados, vou dar-te um pequeno resumo dos 6 episódios, para que possas ver pela ordem que preferires:

  • Óleos Essenciais - Para muitos, são uma dádiva da natureza, uma escapatória a medicamentos através de extratos de plantas. Mas o lado obscuro dos óleos essenciais mostra que é, na verdade, uma indústria de marketing bilionária, que deu também origem a muitos esquemas de pirâmide.
  • Sexo Tântrico - A espiritualidade é um refúgio cada vez mais comum para resolver todo o tipo de problemas. Entre grupos de ajuda e guias espirituais que mostram a luz, aqui há também espaço para abusos e violações, que são vendidos como “curas sexuais”.
  • Leite Materno - Quem acha que o leite materno é só para os mais pequenos, está enganado. O consumo está a tornar-se cada vez mais frequente no mundo do culturismo e body building. O problema é que, para além de ser um potencial transmissor de bactérias, não há estudos que comprovem que é seguro beber leite materno, especialmente quando vem de desconhecidos.
  • Jejum Intermitente - Podem ser horas, dias, semanas ou mais de um mês. É um método utilizado por várias pessoas de forma a regular o sistema digestivo e conseguir melhorar o foco nas tarefas do dia-a-dia. Pode ainda ser uma opção utilizada por quem quer perder peso, e até já existem retiros para quem o queira experimentar, mas pode correr mal se o processo não for monitorizado.
  • Ayahuasca - Com origem em práticas de xamãs indígenas, é um alucinogénio que se pode tornar na cura para vários problemas mentais, quer sejam traumas ou vícios. Mas, como em qualquer droga, nem todas as experiências correm bem.
  • Apiterapia - Para fins estéticos, para o tratamento de doenças crónicas como a Lyme, ou como alternativa a quem não consegue ter acesso a medicamentos no mundo, o poder do veneno de uma abelha é incalculável e pode até matar.

Juntas nos momentos bons, nos maus, e no aborto

Costuma-se dizer que os melhores amigos são para as ocasiões. E quando a tua melhor amiga se torna numa das miúdas populares da escola e deixa de se dar contigo porque tu tens um estilo mais alternativo? Vai cada uma para seu lado. Mas se, ainda assim, ela precisar de ajuda? Tu estás lá. 

Este é um pequeno resumo da amizade entre as adolescentes Veronica (Haley Lu Richardson) e Bailey (Barbie Ferreira), personagens do filme “Unpregnant” que, depois de vários anos sem contato, fazem uma viagem intensa que as volta a unir. Porquê? Veronica está grávida e é menor de idade. A clínica mais próxima que lhe permite interromper a gravidez fica a 2000 quilómetros de distância da sua cidade, e a única pessoa em quem confia para a ajudar nesta viagem é Bailey.

Unpregnant Unpregnant
créditos: Rodrigo Mendes | MadreMedia

Pelo caminho, há vários obstáculos que as tentam impedir de chegar ao seu destino. Desde pessoas contra o aborto, que as tentam demover, até ao namorado de Veronica, que, ao descobrir que esta está grávida, começa a planear uma vida a dois com um bebé. Para dificultar ainda mais a vida da jovem, o seu teste de gravidez foi descoberto no caixote do lixo da escola, e todas as suas amigas fofoqueiras unem forças para descobrir quem é a ‘desavergonhada’ que está grávida.

  • Mais do que um filme de adolescentes: Para além de nos dar vontade de ligar aos nossos amigos de infância com quem já não temos contato, a longa metragem levanta ainda algumas questões relacionadas com a interrupção voluntária da gravidez sobre as quais vale a pena refletir.
  • Um filme baseado num livro baseado num filme: Confuso? O melhor é leres este artigo do Bustle, que explica um pouco melhor como é que o enredo foi pensado e como é que a história de “Unpregnant” surgiu.
  • Onde ver: O filme é um produto HBO Max e está disponível na HBO Portugal. Espreita aqui o trailer.

Créditos Finais:

  • És a alma gémea musical do teu artista preferido? Agora já tens forma de o descobrir. O Spotify: Listen Alike permite-te cruzar os teus gostos musicais com o de alguns dos artistas mais conhecidos, e mostra-te aquilo que têm em comum.
  • A febre do WAP: Se és uma presença assídua nas redes sociais, especialmente no Tik Tok, sabes que a música tem feito furor e que aquilo que não falta são diferentes versões. Já ouviste o remix com “O Fantasma da Ópera”? E o videoclip da Disney? O que não falta é opções para todos os gostos.
  • Aulas de feitiçaria à distância: Depois de já saber como é a realidade dos estudantes em tempos de pandemia, a “The Warp Zone” fez um sketch que simula a realidade em Hogwarts, com as nossas personagens preferidas do universo Harry Potter. Vê aqui.

Tens recomendações de coisas de que eu podia gostar? Ou uma review de um dos conteúdos de que falei? Envia para mariana.santos@madremedia.pt

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.