A segunda classificada foi a representante do Haiti, Raquel Pélissier, e a terceira posição foi para a colombiana Andrea Tovar.

Mittenaere, de 24 anos e 1,73 metros, estudante de medicina dentária e modelo de Lille, tornou-se na segunda francesa a ganhar o título, mais de seis décadas depois da sua compatriota Christiane Martel, em 1953.

“Não acredito, foi uma surpresa”, disse Mittenaere numa conferência de imprensa após o evento.

A francesa disse que se sente “muito orgulhosa por levar esta coroa para a Europa”, já que o velho continente não tinha uma Miss Universo desde a norueguesa Mona Grudt em 1990.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.