Esta é uma análise feita a 194 infraestruturas aeroportuárias, divulgada esta segunda-feira.

A AirHelp é uma organização internacional de defesa dos direitos dos passageiros aéreos e este ano define que o aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, é o quarto pior do mundo, de acordo com o AirHelp Score 2023, onde a maior infraestrutura aeroportuária do país surge na posição 191.

No último ano, o aeroporto de Lisboa já aparecia no fim da tabela, ocupando o lugar 143 entre os 151 aeroportos mundiais avaliados. Este ano, a avaliação global atribuída ao aeroporto Humberto Delgado desceu de 6.75 pontos para 6.48 pontos.

Numa posição bastante acima neste ranking, em 91º lugar, surge o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, eleito como o melhor aeroporto português. Apesar destes resultados mais positivos, a posição global não deixou de cair para os 7.52 pontos, que se comparam com os 7.67 pontos atribuídos em 2022.

O Aeroporto Internacional de Mascate, em Omã, é a infraestrutura que ocupa a primeira posição, com uma classificação de 8.54. Por oposição, a última posição é atribuída ao Aeroporto Internacional Syamsudin Noo, na Indonésia, com 6.39 pontos.

O AirHelp Score 2023 avaliou também 83 companhias aéreas a operar na aviação comercial a nível mundial. A TAP aparece na posição 31, com uma pontuação de 7.16, superior à classificação obtida no último ranking em 2022, de 6.86.

A melhor companhia eleita é a Qatar Airways, com uma pontuação de 8.38, e a Tunisair está em último lugar, com 4.12 pontos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.