Em nota enviada à imprensa, a ANA valoriza o facto de esta marca ser batida no ano em que o aeroporto João Paulo II, que serve a maior cidade açoriana, assinala 50 anos de atividadde.

"Este sucesso resulta das sinergias de todas as entidades que se esforçam pela divulgação e melhoria da acessibilidade aérea dos Açores e da comunidade aeroportuária que diariamente se empenha para garantir as melhores condições aos passageiros, disponibilizando serviços de qualidade", prossegue a entidade.

A ANA é responsável pela gestão dos 10 aeroportos em Portugal, tendo integrado a rede da Vinci em setembro de 2013.

A empresa gere aeroportos no continente (Lisboa, Porto, Faro e Beja) e nas ilhas dos Açores (São Miguel, Horta, Flores e Santa Maria) e Madeira (Madeira e Porto Santo), que “movimentaram 55,3 milhões de passageiros em 2018, um crescimento de 6,8% face a 2017", diz a nota de imprensa da ANA.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.