Em declarações por telefone à Lusa, Florêncio Almeida manteve o anúncio feito segunda-feira passada durante a manifestação de taxistas na rotunda do Relógio, em Lisboa, de um novo protesto na próxima segunda-feira na Presidência da República, bem como concentrações em frente às câmaras do Porto e de Faro.

“Vamos reunir amanhã às 10:30. Sabemos que o Presidente da República não vai estar em Portugal na segunda-feira”, disse Florêncio Almeida, salientando que querem reunir-se com Marcelo Rebelo de Sousa.

Hoje à RTP, um representante da Federação Portuguesa do Táxi, Rudolfo Melo, disse que a decisão foi “tomada a quente” e que “entretanto chegou-se à conclusão” que era melhor os dois dirigentes, da Associação Nacional de Transportes Rodoviários em Automóveis Ligeiros e da Federação Portuguesa do Táxi, se deslocarem à Presidência para se reunirem com os assessores de Marcelo Rebelo de Sousa.

A Lusa tentou contactar sem sucesso o presidente da Federação Portuguesa do Táxi.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.