Reeleito sem surpresas por unanimidade para o quarto mandato, o secretário-geral do PCP abriu este XX Congresso do partido a justificar a decisão de viabilizar o Governo minoritário do PS. Recusa que o PCP esteja "domesticado" e reconhece os avanços, ainda que "limitados", desta solução governativa. A mesma ideia foi sustentada pelo líder parlamentar João Oliveira no segundo dia de trabalhos.

Numa das intervenções mais relevantes do congresso, Carlos Carvalhas, ex-secretário-geral do PCP, colocou o foco na dívida que, defende, tem de ser encarada de frente, assim como os “desequilíbrios do euro”. Carvalhas alertou ainda que uma nova crise financeira poderá ditar “saídas inesperadas” do euro pelo que é urgente a preparação do país

Ainda durante este Congresso, a estratégica do PCP para os próximos quatro anos foi aprovada por unanimidade pelos cerca de 1.200 delegados e o partido deu continuidade ao rejuvenescimento do Comité Central com a entrada de 22 novos elementos.

Veja as melhores imagens deste Congresso do PCP. 

XX Congresso do PCP
@Paulo Rascão/MadreMedia créditos: Paulo Rascão / Madremedia

O SAPO24 esteve a acompanhar de perto o XX Congresso do PCP. Leia também:

Jerónimo de Sousa: "É inaceitável que Portugal seja atirado ao gueto da pobreza”

Francisco Lopes: "Tudo o que de melhor foi feito no país teve o contributo do PCP"

João Oliveira: “Muito provavelmente vamos ser taxados com o adicional do IMI”

João Ferreira: "O Estado português não tem que pedir a ninguém para capitalizar um banco que é seu"

Mário Nogueira: "A direita quer apanhar boleia do movimento sindical, mas vai ter de ir a pé"

CGD: Para o PCP, Paulo Macedo não reúne competência e sentido de serviço público

Rita Rato: "A reposição de direitos não é uma oferta de nenhum governo"

O PCP de sempre, sem ilusões. Jerónimo abre o Congresso com a Europa na mira e Posição Conjunta no bolso

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.